Você já ouviu falar na técnica japonesa chamada Kokedama? Se não ouviu, é bom ficar atento ao assunto, porque esse arranjo está se tornando um dos queridinhos do momento entre paisagistas, decoradores, designers e todos aqueles que gostam desse universo de jardinagem.

Apesar de o nome ser um pouco incomum, sua tradução é muito simples e quer dizer, literalmente, “bola de musgo”. Ficou curioso para saber como uma bola de musgo pode embelezar, valorizar e ainda trazer um toque de descontração para o seu lar?

Então continue a leitura e descubra, ainda, quais os materiais necessários para você montar o seu próprio Kokedama. 

O que é um Kokedama, afinal?

O Kokedama é uma técnica japonesa de arranjo ornamental, sendo uma versão mais simplificada do famoso Bonsai. Imagine cultivar uma planta dentro de um musgo sem qualquer tipo de vasos ou jardineiras e ainda poder pendurá-la? Pois é! Por isso ele se diferencia tanto das outras técnicas de plantio e tem feito a cabeça de muita gente por aí.

Basicamente, ele consiste na criação de plantas dentro de um globo compacto feito com musgo, areia e argila. Esse ornamento costuma ser suspenso por fios de nylon, arame, lã ou barbante, o que dá a sensação de que ele está flutuando no ar. Contudo, algumas pessoas ainda preferem apoiá-lo em pratos ou suportes decorativos. 

Como utilizá-lo na decoração? 

Todos sabemos que as plantas são excelentes opções para enfeitar os ambientes e trazer sensação de acolhimento, e com o Kokedama não é diferente. 

Para aqueles que preferem os arranjos suspensos com os string gardens (os fios mencionados acima), o mais indicado é colocá-los em um canto com bastante iluminação e pendurá-los em diferentes alturas, o que dará a ideia de movimento e profundidade. 

Caso você prefira o seu Kokedama apoiado, invista em terrários ou mini jardins em superfícies transparentes, como vidro, acrílicos, espelhos, etc. Esse arranjo também funciona bastante como centro de mesa ou em criados-mudos. 

Como fazer um Kokedama?

Se você é adepto da cultura do it yourself (faça você mesmo), e gosta de colocar a mão na massa, então confira a seguir um passo a passo de como montar a sua própria bola de musgo. 

Materiais

Você vai precisar de:

  • muda de planta (as mais indicadas são as espécies costela-de-adão, clorofito e asplênio);
  • musgo verde e musgo de folha;
  • areia;
  • argila;
  • fio de nylon, barbante ou qualquer outro fio de sua escolha.

Modo de fazer

  1. misture a areia, a argila e o musgo de folha com um pouco de água até formar uma bolinha moldável; 
  2. faça um buraco com o polegar no meio dessa bolinha e coloque a planta;
  3. cubra toda a esfera com o musgo verde fazendo uma leve pressão para fixá-lo;
  4. enrole a esfera com o fio de nylon ou cordel de linha como se fosse um novelo de lã e depois dê um nó;
  5.  acrescente um pedaço de fio para pendurar o arranjo (caso você queira que ele fique suspenso).

Pronto! Viu só como é simples ter um Kokedama para chamar de seu?

Como cuidar?

Alguns cuidados são necessários para que seu arranjo se mantenha sempre saudável. Para a rega, aconselha-se, de 15 em 15 dias, mergulhar a bola de musgo por alguns segundos em um pote com água. Além disso, a cada três meses, é preciso fazer a manutenção da adubação e podar as folhas secas.

Gostou do nosso conteúdo? Então, aproveite para ler este outro artigo e conferir também dicas de como utilizar as flores para deixar a sua casa ainda mais bonita!

 

Escreva um comentário

Share This